Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Bullying e isolamento

 

 

 

 

Tenho 20 anos e estou na faculdade. Na primária a minha imagem já era gozada, no ciclo sofri de bullying e no secundário entrei em clausura, isolando-me de todos. Tive relacionamentos que acabei por recusar pois nunca fui respeitada. Não tenho amigos há 6 anos, embora nunca os tenha tido. Num grupo, as minhas questões são ignoradas e toda a gente me desrespeita. Porquê? Eu respeito os outros, ouço-os, nunca os ignoro, não sou mal-educada, e quase sempre retenho o que penso para evitar constrangimento, sorrindo a medo. Já fiz terapia com  4 pessoas diferentes, incluindo a actual, mas nada mudou. Tenho muito medo das pessoas, mas não aguento mais ser desrespeitada. As pessoas não se importam que o que dizem me magoa, elas fazem-no intencionalmente.

 

Sofro todos os dias e os meus sonhos e desejos são postos em causa, estão reprimidos. Quando não se tem algo é quando lhe damos o devido valor e para mim não há nada mais importante que o respeito. Ser ouvida, não ser usada. Ser querida, não ser desrespeitada. Por favor, o que é o respeito e porque não o obtenho? Estou tão confusa quanto desesperada, eu preciso de uma direcção para seguir em frente. Estou perdida. Para algumas pessoas parece tão natural, mas não para mim.

 

Obrigado pela atenção, M.

 

Cara M.,

 

Para ser respeitada é preciso em 1º lugar “se respeitar”. Ao  se sentir internamente uma pessoa respeitável, não vai se sentir tão magoada com o que os outros dizem por ter segurança sobre o seu valor. Vai perceber que há pessoas egoístas e individualistas fruto da má educação da sociedade contemporânea. Entretanto o melhor que pode fazer é uma terapia “à sério”, para poder trabalhar seus medos e sentimentos e permitir melhorar a sua segurança, autoestima e reforçar seu ego. Procure um terapeuta confiável e verá que vai conseguir superar esse seu mal-estar.

 

Não se isole procure manter sempre contato com outras pessoas pois elas nos servem de espelho, refletindo a verdade interior, nos dando a oportunidade de olhar profundamente para nossa alma e descobrir quem somos verdadeiramente e o que precisamos fazer para ser e estar mais satisfeita e feliz consigo mesma.

 

Fique bem

 

4 comentários

Comentar post