Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Crianças e insetos

 

 

 

Cara doutora, como vai?

 

Gostaria de lhe fazer uma breve pergunta: Crianças que matam, dão nomes e conservam insetos podem ter algum grau de psicopatia?

 

Desde já agradeço.

Atenciosamente,

L.

 

Cara L.,

 

O que refere não está relacionado com psicopatia. Matar insetos é um comportamento comum e não é um sinal de maldade ou de curiosidade mórbida. Crianças psicopatas não têm empatia, isto é, não se importam com os sentimentos dos outros e não apresentam sofrimento psíquico pelo que fazem. Geralmente matam animais por maldade ou por simples curiosidade de ver como são feitos por dentro, o que não é o seu caso.

 

As crianças em geral se sentem muito atraídas por insetos por uma mistura de curiosidade, poder e medo. Também é comum coleccionarem insetos como borboletas. Conhecendo a vida de insetos e ao observar a rotina de trabalho e o modo de vida dos insetos, as crianças descobrem como são organizadas as sociedades.