Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Medo do escuro

Van Gogh

 

 
Olá boa noite,
eu tenho uma filha de 12 anos que sempre teve medo do escuro ela só consegue adormecer se tiver a luz acesa, durante a noite se eu me levantar e lhe apagar a luz  ela acorda logo e acende-a de novo e volta a dormir, se por qualquer motivo a luz faltar ela acorda e chama logo por mim, eu vou ao quarto dela e tenho que lhe dar uma pilha ou qualquer objecto que ilumine mesmo que pouco pois ela não consegue estar as escuras.
 
Ela já me prometeu várias vezes que ía começar a dormir com a luz apagada, mas quando chega a altura diz que não consegue, eu acabo sempre por ceder e deixar a luz acesa.
 
Será que faço bem?
Será normal na idade dela?
O que devo fazer para a ajudar a perder este medo?

 

Cara Paula,
 
Se ela tem medo deixe uma luz mínima acesa mas sempre explicando que não há nada a temer. Para ajudá-la promova o diálogo, que é uma das melhores “ferramentas” que se pode transmitir aos filhos. Essa abertura ao diálogo, permite deixar uma “abertura”, que facilitará à criança a procura dos pais (ou outras figuras de referência) quando se sentir ameaçada, ou estiver a lidar com sentimentos perante os quais sente dificuldades em lidar.
 
Só o acto da criança falar e explicar os seus medos aos pais, serve de alívio e, além de promover uma maior aproximação entre os pais e os filhos, é um passo importante na procura conjunta de soluções para os problemas.
 
Tudo de bom
Mariagrazia


 

2 comentários

Comentar post