Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Relacionamento sério

 

Olá, eu sou uma jovem de 21 anos e nunca tive um relacionamento sério. Já me envolvi com várias pessoas mas nunca cheguei a "vias de facto" pois penso que para ter relações com alguém é necessário um tipo de intimidade que não se adquire com alguns beijos.
Este facto deixa-me desconfortável pois a generalidade das raparigas com a minha idade já não são virgens, por isso chego ao cúmulo de ter medo de assumir a minha virgindade. Sinto-me sozinha e, por várias vezes, depressiva pois todos os meus amigos estão numa relação. Sinto também saudades dos tempos em que nenhum deles namorava e, então, tínhamos mais tempo para sair e nos divertir. Agora que vejo que cada um está a seguir a sua vida e eu continuo "parada" faz-me pensar muito no quão falhada, sentimentalmente, eu sou. Além disto também não sei como fazer para conhecer pessoas novas, pois só saio com os meus amigos, já que não tenho confiança e segurança para sair sozinha.
Sinto-me num ciclo vicioso e não consigo livrar-me dele. É tão frustrante! Uma das consequências é o sentimento de inferioridade, por ex se um rapaz olhar de maneira diferente para mim tiro logo conclusões precipitadas e penso que está interessado em mim, o que na maior parte das vezes é falso, e à custa destas situações já sofri muito...
 
Eu sei que, provavelmente, vai-me aconselhar a esperar calmamente pois ainda sou uma jovem. Mas, enquanto esse tempo passa, como faço quando me sentir sozinha e precisar de mimos, de aconchego, de ter companhia??? É esse o meu problema. E o pior é que estes pensamentos não me saem da cabeça, o que dificulta o meu estudo. Estão aí as frequências e não sinto vontade para nada.

 

Minha cara,
 
Já deu sozinha a resposta à sua questão: “esperar calmamente pois ainda sou uma jovem”. Quanto a se sentir sozinha e com falta de mimos: “mime-se”! Ofereça-se uma surpresa, um passeio, uma saída para assistir um espectáculo, vá ao ginásio, matricule-se num curso, etc. Procure fazer algo que lhe dê prazer e que a faça se sentir gratificada.
 
Quanto menos esperar, mais fácil será encontrar alguém para se relacionar. O amor não tem hora marcada e a intimidade é uma conquista natural e acontece com espontaneidade.
Não se compare com os seus amigos. Pois cada um é único.
 
Fique bem
Mariagrazia


 

1 comentário

Comentar post