Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Vazio, medo e ansiedade

niki9.jpg

Oi doutora tudo bem, gostaria muito de um conselho da senhora para me dizer o que eu faço da minha vida.

Me chamo J. tenho 23 anos e de uma tempos pra cá passei a sofrer com ansiedade que eu ía levando. Só que agora ultimamente do nada comecei a ter medo de ter esquizofrenia, mas um medo intenso mesmo, sabe de me dar dor de barriga, enjoo, falta de apetite suor e etc. Daí comecei a ver os sintomas da esquizofrenia na internet e dai que me deu mais medo ainda e fico imaginando que estou com os sintomas.

Não escuto vozes as únicas vozes que escuto são meus pensamentos dentro da minha cabeça me dizendo que estou louca. E depois que passei a ver os sintomas na internet passei a acreditar que tudo que eu li esta acontecendo comigo. Vivo com crises de choro, medo de ficar louca e ando com insónia e nem consigo mais dormir. Sinto um desespero junto com um vazio muito grande dentro de mim. Nada enche esse vazio mesmo quando saio pra distrair a minha mente, esse vazio está dentro de mim.

Doutora o que eu faço será que estou ficando louca?

 

Cara J.,

Todos nós temos alguns sintomas de perturbações mentais, mas para termos uma patologia, depende da quantidade. No seu caso, parece seja somente uma questão de ansiedade e medo de estar doente. Tem bem a consciência que os “pensamentos estão dentro a sua cabeça” e, atenção, que se for muito impressionável quanto mais pesquisa para ver sintomas, mais vai se identificar com alguns deles. Ao pesquisarmos é preciso agir com discernimento e sensatez, do contrário podemos por em evidência a “loucura”.

 

O vazio existencial está presente na vida de todo ser humano, em maior ou menor grau. É sentido e vivenciado em inúmeras circunstâncias da existência humana. Emerge diante de situações peculiares e às vezes stressantes na vida da pessoa.

O vazio que sente dentro de si, pode estar relacionado com o seu momento de vida e quem sabe se a partir daí vai se revelar uma “oportunidade” e procurar desenvolver e aprofundar todos os seus recursos e capacidades no caminho da autorrealização e a responsabilidade pela própria vida.

 

Feliz 2016!

3 comentários

Comentar post