Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Ciúme e infidelidade

 

Boa tarde,
 
Tive uma relação de três anos com um homem, cuja característica mais marcante era o ciúme. Não podia ver os meus amigos, não podia estar na net, não podia telefonar, nem mandar mensagens. Dizia-me que não era ciumento, mas zeloso e protector.
Pregava-me também grandes sermões sobre fidelidade, transparência e escolhas. Grande parte do tempo, discutíamos, comigo a defender-me de eventuais faltas de interesse por ele. Estes episódios eram acompanhados, por parte dele, de uma violência verbal cada vez maior, quer em relação a mim quer em relação às minhas filhas. Assim, afastámo-nos imenso, porque obviamente, ambos nos sentíamos infelizes, tendo a relação terminado em Julho.
 
 Vim a saber e confirmei (página na net onde aparece em fotografias com a outra pessoa) que há já bastante tempo que tinha outra mulher. A situação perturbou-me bastante, especialmente pela mentira, falta de carácter e anteriores exigências em relação à minha vida. Por outro lado, a destruiu em mim a confiança para ter outra relação.
 
 
Gostaria de ouvir a sua opinião sobre este assunto.
Melhores cumprimentos
 
Uma das explicações psicológicas do ciúme é que é um sentimento projectivo, ou seja a pessoa sente ela própria um desejo consciente ou inconsciente de ser infiel e passa a relacionar esse sentimento ao parceiro.
 
Não dramatize nem desanime, pode sempre confiar em quem merece. Essa relação foi assim, mas cada caso é um caso. Acredite nas pessoas e acredite em si.
Procure reconstruir sua vida com amor.
 
Um abraço
Mariagrazia

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.