Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Casamento e família

Fernando Botero

 

Venho atravessando por momentos de bastante turbulência em meu casamento. Estamos casados há dois anos e 8 meses e já estamos chegando ao nosso segundo filho. Entre namoro e casamento tivemos 7 meses de relacionamento. No início tivemos algumas brigas que aos poucos, achamos ter resolvido. Ao nos casarmos, os motivos das brigas voltaram dentro outros novos motivos. Ela é uma pessoa muito ciumenta e se acha certa de tudo. Sou uma pessoa que tenho pouca paciência para determinados assuntos. Tentamos por diversas vezes um diálogo, mas nunca tivemos sucesso. Definitivamente não nos entendemos, agora para completar, está em jogo a educação do nosso filho. Brigamos muito quando digo que algo está errado em relação ao nosso filho.

 

Quando do nascimento do nosso primeiro filho, tivemos diversas brigas pois ela não aceitava e ficava com ciúmes dos meus Pais. Confesso que isto me tirou do sério e que me deixou bastante transtornado. Um fato novo que não soube lidar. Contei muito com o apoio da minha mãe para escapar desta fase. Até hoje temos problemas relacionados.

 

Outro grande fato gerador de confusão é a forte ligação dela com os Pais, isto provocou em mim um bloqueio muito grande. E para completar, os Pais dela não nos deixam viver nossa vida, sempre interferem de uma forma ou de outra. Isso desencadeou um desgaste muito grande entre nós.

 

Gostaria de obter ajuda. Não sei mais o que fazer.

 

Obrigado pela atenção e aguardo retorno.

 

 

 

 

Fale com a sua esposa e combinem juntos qual a melhor forma de agir com os respectivos pais, dando alguma atenção sem deixar que invadam a vossa vida pessoal.
O casamento para dar certo deve ser ajustado pouco a pouco conforme surjam as dificuldades, mantendo uma certa flexibilidade de pensamento e acção. 
 
Tudo de bom
Mariagrazia