Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Viciada numa relação

Pablo Picasso

 

 
Sou uma rapariga de 25 anos, e tenho uma dúvida que ainda ninguém me conseguiu esclarecer, nem sei sequer se existe algum esclarecimento lógico e nem sei se estarei a recorrer a pessoa certa...
 
É possível alguém ser viciado numa relação, que não é saudável??? Vou tentar explicar me melhor, eu namoro há 2 anos( com o homem com que me vejo casada),e tenho um caso cm um homem 8 anos mais velho, há cerca de 5 anos(claro q cm algumas paragens pelo meio, e alturas com mais ou menos encontros) as vezes tenho a sensação que este meu caso é doentio e se calhar de ambas as partes.
 
È um "relacionamento" muito pouco saudável em quase tudo, existe muita agressão verbal de parte a parte, tudo o que possa imaginar já foi dissemos um ao outro, ao ponto de uma vez ele me ameaçar que me destruía a minha vida, de milhentas vezes termos dito um ao outro desaparece da minha vida, nunca mais te quero voltar a ver, etc....E no máximo passado 2 semanas já estamos envolvidos novamente, sem nunca se pedir desculpas pelo q foi dito anteriormente...
 
E muitas das vezes quando saio de ao pé dele, venho com quase 100% de certezas de que foi a ultima vez, porque cada vez é pior, porque eu saio de lá frustrada, que isto só me faz mal, porque estou farta de tudo (dele, da situação)....mas ate agora este fim ainda não apareceu!!!
 
Por favor ajude me, pode existir algum tipo de vicio ou dependência neste tipo de relação???? Se não me conseguir ajudar, mas conseguir dar me luzes onde possa descobrir esta resposta, agradecia imenso.
 
Muito Obrigada.

 


Cara amiga, 
 
a resposta está em si.
 
O que eu posso dizer é que o amor não é algo que possa ser controlado e que possa ser explicado. Será que não ama o homem com quem tem um caso, apesar de ter um namorado que sente mais adequado racionalmente para ser seu companheiro da vida?
 
 
Se não consegue dar um basta na relação provavelmente é porque não está preparada para isso.
O importante é não aceitar uma relação agressiva, pois se está assim agora o que será o futuro?
 
Fique bem
Mariagrazia


 

 

1 comentário

Comentar post