Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Vício da mentira

Pablo Picasso

 

 

 

Por favor, será que você poderia me dar uma orientação? Tenho um filho de 20 ano mas desde de adolescente ele começou com o vicio da mentira, já levamos ele 2 vezes em psicóloga (diferentes) mas ele faz tratamento por uns dois meses + ou - , e para, bom nos aqui em casa conversamos muito com ele, somos uma família unida, já conversamos, ja chamamos a atenção dele, já até brigamos, (sem violência) mas parece que entra por um ouvido e sai pelo outro.

 

Bom estamos pensando em fazer um tratamento com hipnose (fabio puentes) o que você acha? Meu filho mente tipo assim (sonha acordado) e fala as coisas como se ele tivesse feito, ele fala para os amigos que já viajou para fora do país, que esta trabalhando...que já teve uma banda musical, q já tocou ñ sei aonde e por ai a fora (mente pra família, parentes) ficamos muito preocupados com tudo isso, ele faz faculdade e se continuar assim , não vai dar certo na vida profissional, afectiva, e social.

 
Desde já eu agradeço

 

Um abraço

 

Cara Mãe,

 

Eu não acredito que a hipnose possa resultar, pois a hipnose não actua no problema de fundo e o problema provávelmente voltará.

O que ele precisa é de um tratamento psicoterapêutico regular e continuado, para que possa obter resultados efectivos.

 

Pelo que me diz, parece que ele tenha uma espécie de delírio, pois vive uma fantasia e acredita no que diz. No meu entender precisa de acompanhamento psicológico regular e com uma pessoa capaz que o possa realmente ajudar.

 

Quanto à vossa atitude como pais, devem sempre procurar ter um comportamento normal, nem permissivo demais e nem repressivo mas orientando adequadamente no sentido de mostrar motivá-lo para fazer um constante tratamento.

 

Um abraço

Mariagrazia


 

 

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Mariagrazia 12.02.2012 17:53

    Ter consciência do problema e motivação para mudança, já é o primeiro passo.

    Controle-se e faça um voto de autenticidade, tem tudo a ganhar!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.