Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Contar traição

Paul Cèzanne

 

Olá, vi este site e não hesitei em expor a minha situação.
Descobri que o meu pai, anda a trair a minha mãe há vários anos com várias mulheres pelo que percebi, isto há um mês. Tenho andado arrasada e não sei o que fazer.

 

Não sei se conte à minha mãe, porque a minha mãe gosta muito dele e já sofreu muito com a morte dos pais dela, e mais uma desilusão não sei o que poderá acontecer. E sei que está muita coisa em jogo, pois um dia sairei de casa dos meus pais, e se contar à minha mãe ela vai-se divorciar, e depois ficará sozinha, e eu sempre imaginei que um dia mais tarde quando saísse de casa eles (meus pais) teriam um ao outro. Estou mesmo em baixo, nunca mais tive a mesma relação que tinha com o meu pai, respondo-lhe mal e tento sempre evitar estar com ela, pois ele mete-me nojo. Ele não só traiu a minha mãe mas também de certo modo a mim também. Tenho andado sem vontade para nada, e ainda hoje chateei-me com os meus pais, a dizerem que só ando mal disposta, que n faço nada etc.… É injusto, porque eu ando a sofrer muito e tenho um peso destes nas minhas mãos e não sei o que faça. O meu pai estragou tudo. Ainda por cima este ano faz 25 anos que são casados. Poderia me aconselhar?

 

Estou desorientada.

 

Cara filha desorientada,

 

Não julgue seu pai, como dizia Mark Twain:” Se você julga as pessoas, não tem tempo de amá-las".

 

 

O melhor é não dizer nada …e ainda dizem que:

O que os olhos não vêem o coração não sente.” Se a sua mãe está bem assim, não vale perturbar a sua confiança. Procure se abstrair dessa situação, respeite seus pais e concentre-se nos seus estudos e  no seu dia a dia.

 

Um abraço

Mariagrazia

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.