Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Tentativa de suicídio

Suicídio, de Édouard Manet, 1877.

 

 
Bom Dia Drª MariaGrazia,
 
Venho por este meio solicitar a sua ajuda.
O meu marido teve uma infância difícil, a mãe abandonou-o, o pai era alcoólico teve que se virar sozinho.
Sempre foi impecável, sempre trabalhou e foi responsável com bons objectivos na vida.
 
O nosso casamento tem estado numa fase complicada já algum tempo, temos discussões com frequência e algumas vezes ele torna-se agressivo.
Posterior a algumas discussões ele tenta suicidar-se, toma comprimidos e já se pendurou na janela (9º andar) para se mandar. Pior disto, com os meus filhos assistir.
 
Qual deve ser a atitude a tomar quando uma pessoa se quere atirar da janela?Ele está claramente com problemas, qual é o problema dele?onde posso procurar ajuda uma vez que não tenho possibilidades de pagar um psicólogo privado?
 
Obrigado pela atenção!
Parabéns pelo pagina que é uma ajuda preciosa para tanta gente!
 
Agradeço que o meu nome não seja revelado no site.
A resposta pode ser publicada.

 

 


Cara esposa,
 
Procure ajuda, fale com seu médico de família , ele vai encaminhar seu marido para um tratamento.
Se estiver aflita, ligue para Voz amiga em Lisboa: 213 544 545
 
O que deve lembrar-se se está a ajudar alguém que pensa em suicídio.
 
O que querem as pessoas que pensam em suicídio?
 

Alguém que ouça.

Alguém que tenha tempo para as ouvir realmente. Alguém que não as julgue, dê conselhos ou opiniões, mas que lhes dê toda a atenção.
 
Alguém em quem confiar.
Alguém que as respeite e não as tente controlar. Alguém que mantenha a confidencialidade.
 
Alguém que se interesse.
Alguém que se disponibilize, que as tranquilize e fale calmamente. Alguém que as aceite e acredite.
 
O que as pessoas que pensam em suicídio não querem?
Estar sozinhas.
A rejeição pode fazer com que o problema pareça muito pior. Ter alguém a quem recorrer pode fazer toda a diferença. Escute apenas.
 
Ser aconselhadas.
Dar sermões não ajuda. Nem sugerir "anima-te", ou simplesmente dizer que "vai correr tudo bem". Não analise, compare, classifique ou critique. Escute apenas.
 
Ser interrogadas.
Não mude de assunto, nem as inferiorize. Falar de sentimentos é difícil. As pessoas que pensam em suicídio não querem ser apressadas ou colocadas na defensiva. Escute apenas.
 
Um abraço e Tudo de bom
Mariagrazia
 

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.