Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Insatisfação constante

Antes de mais, quero dar os parabéns por este espaço…Parabéns

 

Ultimamente, os dias são tão difíceis de passar, mas de uma certa forma passaram muito depressa…Gostaria muito do seu conselho, sobre o que sinto…muitas das vezes com raiva de mim mesma, por que não gozei cada momento, bom ou mau, não expressei tudo o que sentia, não amei um homem, mas sim sempre em busca do amor de alguém, carinho.
Não concretizei nenhum sonho…
Não aventurei-me…
Nunca fui eu própria.
Neste momento, sinto uma certa melancolia,
Uma solidão e uma grande insatisfação.
Enfim, lá se passou 37 anos,
Cheios de pequenos e grandes momentos, com muita dor sentimental a mistura,
Com muita carência afectiva…
Mas hoje pergunto,
Como conseguir livrar-me deste medo de enfrentar pessoas…
Impor os meus desejos,
Realizar-me …..Hoje, ando a deriva.

Sinto-me tão cansada fisicamente, tão decepcionada, talvez comigo ou não. Estou tão confusa, quero e não quero. Por favor, ajude-me …Como e onde posso buscar algo que faça-me sentir bem comigo mesma.


Cara Conceição,

 

Perguntaram ao DALAI LAMA…

“O QUE MAIS TE SURPREENDE NA HUMANIDADE?”

E ele respondeu:

“Os homens… Porque perdem a saúde para juntar dinheiro, e depois perdem dinheiro para recuperar a saúde. E por pensarem ansiosamente no futuro, esquecem o presente de tal forma que acabam por nem viver o presente nem o futuro. E vivem como se nunca fossem morrer…

… e Morrem como se nunca tivessem vivido…”

Precisa dar uma volta positiva na sua vida, escrever frases começadas por sim...e fazer as coisas que nunca fez e gostaria de ter feito. Vá ao encontro do mundo e dos seus sonhos.


Comece a viver agora... decididamente.


Um abraço

Mariagrazia



6 comentários

Comentar post