Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Fantasias sexuais

 

Fernando Botero

 

 

Julgo negativamente e gostaria de mudar minhas fantasias sexuais.

Quando me masturbo tenho prazer em pensar coisas que julgo como sujas ou feias (ser possuída por muitos homens, ser prostituta, sexo entre homens homossexuais, pedofilia e zoofilia, nessa ordem) e sao fantasia que eu não quero compartilhar com meu parceiro. Tenho até vergonha e gostaria de elimina-las da minha imaginação.

 

Não tenho vontade de colocar em pratica essas fantasias e sei que se experimentasse a minha principal (transar com muitos homens e penetração vaginal e anal ao mesmo tempo) acharia bastante incomodo fisicamente. Inclusive alguma coisa mais atrevida que experimentei como transar sem conhecer bem a pessoa e ser tratada tipo puta me da mais tesao lembrar do que eu realmente senti na hora.

Tenho muita intimidade com meu corpo e sozinha chego facilmente ao orgasmo, normalmente recorrendo a essas fantasias.

 

Com meu parceiro actual tenho prazer e vontade de transar mas nunca tive orgasmo. Depende do dia, mas sei que esta na minha cabeça o problema, quanto menos eu me preocupo melhor é.

Temos confiança para falar sobre sexo. Tento enfrentar minha insegurança mas pra mim é difícil pedir o que/como eu gosto (já falei algumas poucas coisas) e muito mais falar das minhas fantasias. Ainda por cima eu tenho uma paranóia enorme com a minha barriguinha e as vezes meu pensamento vai pra ela no meio do sexo. Ele, e outros parceiros com que eu já estive, elogia meu corpo mas muitas vezes me concentro nos meus defeitos.

 

Só consegui chegar ao orgasmo durante o sexo com 2 parceiros que tive, com quem não estava muito envolvida emocionalmente e me sentia mais livre pra imaginar que ele era mais um dos que eu estava transando naquele dia ou algo assim. Depois que eu "pegava o jeito" tinha orgasmos quase sempre e algumas vezes só me concentrando no tesão daquele momento, sem pensar em outras fantasias.

Sei que o ideal seria fazer uma terapia para entender e resolver esse meu conflito, mas nesse momento nao disponho nem de tempo nem de dinheiro para isso. Gostaria de tratar e melhorar essa questão e não sei como. Também acho que não teria coragem de falar abertamente sobre esse assunto cara a cara com um terapeuta.

 

Agradeço desde já qualquer ajuda

Parabéns e obrigada por esse consultório.

 

PS: Só peço a manutenção da minha privacidade mas não me importo se publique minha dúvida


Cara M.,
 
Fantasia é fantasia e como tal se for “vivida” deixa de ser fantasia.
As fantasias são suas e para mudá-las o primeiro passo é não julgá-las como negativas, mas ficar com elas e vivê-las na fantasia. Só assim é que poderão ser substituídas por outras mais aceitáveis.
 
A maioria das mulheres não consegue ter orgasmo somente com a penetração e é importante haver estimulação adicional durante a relação, de preferência na zona mais sensível, que para a maioria das mulheres é o clítoris. O orgasmo decorrente da masturbação é muito mais frequente, uma vez que estamos a explorar o nosso corpo ao sabor do nosso desejo. Mas se consegue através da masturbação, ajude o seu namorado a estimulá-la de forma a proporcionar-lhe maior prazer.
 
Quanto ao seu corpo, goste de si que é um caminho facilitador para atingir o orgasmo.
 
Fique bem
Mariagrazia

 

 

 

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.