Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Ficar vermelha

141.jpg

Tenho um problema, fico vermelha por tudo e sem nada. Tenho 47 anos e sentia um mal-estar quando estudava. Ainda hoje coro quando alguém com quem tenho menos confiança fala comigo, não gosto de ser o centro das atenções por causa desta característica. Acho que tenho que aprender a viver com esta condição visto que há coisas piores. Temos que aceitar e brincar com a situação...é assim que tenho feito...somos pequenos semáforos.

Cara leitora,

psicologicamente o ato de corar pode ser encarado como um processo que o corpo usa para bloquear as emoções, o que pode consciencializar-te da necessidade de seres mais aberta ao mundo. O corar pode representar a necessidade em olhar para o teu mundo interno e procurar os momentos da tua vida no qual tu tiveste medo de sofrer uma humilhação, desprezo, critica ou julgamento de outros que se encontram próximos de ti. Nesses momentos, talvez te tenhas sentido agredido(a) na tua forma de ser e estar. Reflita sobre isso e quiçá que o semáforo abra para ti um novo caminho.