Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Fase de autoconhecimento

121.jpgEstou numa fase de autoconhecimento e descobri muitas características minhas como: dependência emocional da minha mãe, baixa autoestima e vitimização.

Algumas coisas aconteceram no fim de um relacionamento e outras que mudaram minha visão do mundo. Hoje vejo esses defeitos bem como os dos meus parentes (como meu pai manipulador) e isso está me incomodando muito. Estou num momento muito confuso.

Caro leitor,

Convém aproveitar esse momento de descobertas para trabalhar em terapia essas características que desconhecia.

Reconhecer as falhas pode ser o inicio de crescimento. Não é achar que está tudo certo, mas é aprender com os erros e dificuldades, com paciência e disciplina. O ideal é saber lidar com as próprias falhas sem agressividade e superar o medo de se expor e de estar aberto a aceitar as críticas. Muitas vezes os defeitos quando estão são conscientes nos ajudam a evoluir. Conhecer sua essência é transformador e traz um entendimento maior das ferramentas que se tem para realizar o que deseja.

Ao nos aceitarmos como somos conseguimos, gradativamente, construir uma vida mais leve, onde os erros fazem parte da jornada, devem ser examinados e melhorados, mas sempre existirão, e a sua postura diante deles é o que conta. Aceitando que somos imperfeitos e incompletos conseguimos focar no que somos bons, quais são nossas forças, em como usar nosso potencial a nosso favor e é aí que o crescimento emocional acontece.

Vamos abraçar toda a nossa totalidade!

Dar um tempo

coracao1.jpg

 

 Boa noite,

O meu namorado pediu-me um tempo porque queria ver o que estava a fazer da vida e eu perguntei-lhe se o sentimento dele por mim tinha mudado e ele disse que mudou e diz que esta confuso.

O que faço?

 

Cara leitora,

Ouvir seu namorado dizer que precisa dar um tempo no relacionamento pode ser confuso. É provável que se questione sobre a relação, juntamente com as dúvidas sentidas sobre como lidar com esse pedido.

 

Precisa saber o que se passa com ele e qual a verdadeira questão. Vale uma discussão honesta sobre o assunto.

 

Chamá-lo para conversar abre dois cenários. É possível que simplesmente contorne a questão e não queira discutir sinceramente sobre o problema. Essa ausência de comunicação pode mostrar a deficiência da vossa relação.

Há também a possibilidade de que abra o seu coração. Nesse caso, irá dizer as razões pelas quais decidiu pedir um tempo de separação e poderá avaliar melhor qual é a sua posição.

 

Após essa conversa poderá decidir se vale a pena, se está disposta a esperar e também durante quanto tempo. Lembre-se que essa fase pode ser difícil, mas definir algumas questões entre ambos pode ser um grande passo.

Entretanto confie em si e decida ouvindo sempre o seu coração.

 

Um abraço