Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Consultório de Psicologia

Espaço de transformação com a finalidade de orientar, ajudar, esclarecer dúvidas e inquietações. Encontre equilíbrio, use sua criatividade e deixe fluir sua energia. Mariagrazia Marini Luwisch

Medo de relacionamentos

98.jpg

Vim aqui pedir ajuda, pois já estava ficando preocupada com meu caso, e minha família as vezes cobra isso.

Tenho 23 anos, mulher, nunca namorei na vida, nunca beijei ninguém na boca e ainda sou virgem.

Quando eu coloco o termo relacionamento na balança não é algo que eu considero, quer dizer, eu não tenho paciência de conhecer pessoas novas e tenho um receio enorme em "ficar" seja com amigos (não tenho muitos) e muito menos com desconhecidos.

As vezes tenho fantasias onde estou em um relacionamento, que tenho namorado, ou me casei, as vezes até com filhos, mas quando coloco na minha realidade eu tenho medo até de começar a ter uma relação amorosa.

Antigamente quando eu tentava ser um pouco mais aberta sobre isso e alguém começava a dar em cima de mim eu hesitava e desfazia a conversa. Já cheguei a cortar contato com muitos por causa disso.

Realmente não sei o que há comigo, talvez eu fantasie demais o homem perfeito? Ou tenho simplesmente medo de relacionamentos? Realmente não sei.

Cara leitora,

O seu caso não é anormal. Histórias como a sua acontecem com frequência. Acontece que a sociedade lida de forma muito contraditória e inadequada com as questões da sexualidade.

Se quer se envolver num relacionamento tem que fazer algum esforço para que isso aconteça. A falta de aprendizado, não ajuda. Que tal começar por modificar a sua postura?

Ser mais aberta e ter uma atitude menos esquiva. Quanto mais fugir dos encontros, mais difícil será retomar as suas fantasias que exprimem o desejo de estar num relacionamento, ou num relacionamento estável e ter filhos.

Procure deixar o “receio” de lado e as crenças negativas relacionadas com a sua falta de experiência. Não há idade certa para começar. E não se impressione se tiver alguns fracassos, use-os a seu favor.  Toda a experiência leva a um crescimento pessoal.

Afinal nada como viver um dia após o outro.

Relacionamento sério

 

Olá, eu sou uma jovem de 21 anos e nunca tive um relacionamento sério. Já me envolvi com várias pessoas mas nunca cheguei a "vias de facto" pois penso que para ter relações com alguém é necessário um tipo de intimidade que não se adquire com alguns beijos.
Este facto deixa-me desconfortável pois a generalidade das raparigas com a minha idade já não são virgens, por isso chego ao cúmulo de ter medo de assumir a minha virgindade. Sinto-me sozinha e, por várias vezes, depressiva pois todos os meus amigos estão numa relação. Sinto também saudades dos tempos em que nenhum deles namorava e, então, tínhamos mais tempo para sair e nos divertir. Agora que vejo que cada um está a seguir a sua vida e eu continuo "parada" faz-me pensar muito no quão falhada, sentimentalmente, eu sou. Além disto também não sei como fazer para conhecer pessoas novas, pois só saio com os meus amigos, já que não tenho confiança e segurança para sair sozinha.
Sinto-me num ciclo vicioso e não consigo livrar-me dele. É tão frustrante! Uma das consequências é o sentimento de inferioridade, por ex se um rapaz olhar de maneira diferente para mim tiro logo conclusões precipitadas e penso que está interessado em mim, o que na maior parte das vezes é falso, e à custa destas situações já sofri muito...
 
Eu sei que, provavelmente, vai-me aconselhar a esperar calmamente pois ainda sou uma jovem. Mas, enquanto esse tempo passa, como faço quando me sentir sozinha e precisar de mimos, de aconchego, de ter companhia??? É esse o meu problema. E o pior é que estes pensamentos não me saem da cabeça, o que dificulta o meu estudo. Estão aí as frequências e não sinto vontade para nada.

 

Vaginismo

 

Bom dia Doutora,
 
Namoro há 3 anos e ainda sou virgem, só que há uns 5 meses começamos a ter uma vida sexual, o problema é que eu não consigo suportar a penetração dói muito, isso já aconteceu mais de 5 vezes. Nunca conseguimos finalizar. Pelos sintomas dizem que pode ser vaginismo pois desde pequena eu tive muita repreensão.
 
O que eu posso fazer para resolver isso?